Todas as mensagens na Categoria: Sem categoria

O que fazer se perdi meus dentes?

Se você não possui mais todos os dentes permanentes, não se preocupe – você não está sozinho. Na verdade, um adulto comum entre 20 e 64 anos possui pelo menos três dentes com cárie ou extraídos, de acordo com a American Dental Association (ADA).

Se você perdeu seus dentes em um acidente ou se eles foram extraídos, a substituição dos dentes não somente melhora sua aparência, mas também melhora sua capacidade de mastigar e falar. Veja algumas opções para a substituição dos dentes que o seu dentista pode recomendar.

Implantes dentários
Pelo fato de serem implantados por meio de cirurgia, o implante dentário pode oferecer uma solução mais duradoura e robusta para a substituição do seu dente. Muitas pessoas optam pelos implantes dentários porque eles são bem  semelhantes aos dentes naturais e podem durar muitos anos, ou até mesmo décadas.

Pontes (próteses fixas)
Há vários tipos de próteses fixas dentárias, que são aparelhos que preenchem o espaço de um ou mais dentes. As pontes são presas aos dentes que ficam ao lado do espaço deixado pelo dente ausente, elas usam os dentes como pilares enquanto os implantes são os pilares dos dentes sobre implante.

Próteses dentárias removíveis
Se você tiver muitos dentes faltando, seu dentista poderá recomendar as próteses dentárias, que são aparelhos removíveis contendo uma grande quantidade de dentes artificiais. As próteses removíveis imitam a aparência e a função do conjunto total de dentes, são próteses muito estéticas e proporcionam conforto e naturalidade.

Cada tipo de prótese tem sua característica própria que precisa ser avaliada juntamente com o seu dentista, agende a sua consulta e nos iremos te explicar as vantagens e desvantagens de cada prótese e qual o melhor tipo para seu caso.

Leia mais

Tempo de uso do aparelho

O tempo que decorre desde o inicio do uso do aparelho até o seu término é uma das grandes preocupações da maioria das pessoas que pretendem colocar aparelho. Ninguém quer passar tempo demasiado com o aparelho.

O tempo do tratamento ortodôntico é dependente de alguns fatores como as desordens bucais presentes e o planejamento do tratamento. Cada pessoa vai apresentar um problema diferente, então podemos dizer que “cada caso é um caso” e deve ser tratado conforme a necessidade e o planejamento correto através de exame clínico e da documentação ortodôntica solicitada.

Para dar uma estimativa de tempo de tratamento, podemos dizer que com:

aparelho convencional – 36 meses

aparelho autoligado – 18 meses

ou seja, o tipo de aparelho é importante para determinar o tempo de tratamento, além disso existe a possibilidade de utilizar artifícios que diminuem o tempo de tratamento como os miniimplantes. Tudo isso depende de um planejamento bem elaborado, pois o que você começa hoje vai durar e custar o que foi estimado no inicio. Por isso só comece o seu tratamento com o planejamento elaborado e estimativa de custo, para que no final do tratamento não tenha investido mais tempo e dinheiro do que o necessário.

Saiba mais sobre custo do aparelho clicando aqui

Leia mais

Meus dentes da frente são tortos, posso usar aparelho?

Esta é o questionamento de muitas pessoas. Quando se tem os dentes da frente tortos, de tal forma que incomodam a estética do sorriso é indicado sim a colocação do aparelho ortodôntico para correção do posicionamento dentário e melhora na harmonia do sorriso. É muito importante ressaltar que existem dois principais motivos para se inciar um tratamento ortodôntico, existe a razão estética e a indicação funcional. Tratamento ortodôntico é um tratamento sério que exige compromisso e regularidade nas consultas para conseguir alcançar o resultado esperado de maneira correta e íntegra. Para estar apto a usar o aparelho ortodôntico é preciso antes fazer uma avaliação clínica e identificar se os dentes e a gengiva estão saudáveis. O passo seguinte é a realização da documentação ortodôntica.

Pode colocar aparelho apenas nos dentes da frente?

 

O aparelho deve ser montado para a resolução de todos os problemas de posicionamento dentário. Os dentes da frente podem incomodar esteticamente, mas se um trabalho completo não for realizado possivelmente aparecerão problemas no futuro e isto pode levar até a mesmo a perda de alguns elementos dentários. Saiba que o tratamento ortodôntico engloba estruturas nobres da parte óssea da mandíbula incluindo seu posicionamento em relação a base do crânio na cavidade glenóide que fica numa região próxima ao ouvido. Esta região também é conhecida como ATM e um tratamento ortodôntico que não for conduzido de maneira correta pode influenciar numa disfunção da articulação.

A arcada dentária precisa funcionar em conjunto. A arcada superior precisa posicionada corretamente para que durante a mordida e a relação com a arcada inferior que também precisa estar correta possam funcionar adequadamente. Quando se trata de ortodontia, não é apenas um tratamento para alinhar os dentes da frente. É importante ter consciência de que a sua mastigação que você utiliza diariamente para se alimentar será alterada para que ao final do tratamento você possa realizá-la de maneira correta sem sobrecarregar nenhum dente.

O alinhamento estético dos dentes da frente é de fato um grande objetivo estético em relação ao tratamento. Conseguir estabelecer a linha média e deixar os lados direito e esquerdo em simetria é o alvo que é procurado para oferecer um tratamento de qualidade que gere satisfação e um belo sorriso. Para isso é preciso de muita colaboração com a higiene durante o tratamento ortodôntico e com o comparecimento às consultas marcadas. O tratamento ortodôntico pode lhe oferecer qualidade de vida e bem-estar proporcionando um sorriso agradável e uma uma condição mais interessante para fazer a mastigação com equilíbrio. Se você deseja cuidar dos seus dentes frente é sinal de que se preocupa com a estética do do seu sorriso e da sua face. Este é um sinal de que você se preocupa com sua saúde e sua aparência. Então procure fazer este tratamento com seriedade entendendo a importância que seus dentes tem para sua vida e a sua saúde. Não seja negligente na escolha do profissional que fará seu tratamento, esta é uma decisão importante e não negligencie seus hábitos de higiene, quando estiver de aparelho você precisará ter muito mais cuidado com isso. Após o tratamento ortodôntico seus dentes da frente estarão bem posicionados e alinhados, proporcionando um belo sorriso.

Comente aqui em baixo e não deixe de compartilhar nas redes sociais.

 

Leia mais

O que é preciso fazer antes de colocar aparelho ortodôntico.

A correção do posicionamento dentário é um dos principais motivos que levam as pessoas ao dentista. Colocar aparelho ortodôntico para alguns pode até significar moda ou status, mas na verdade é um tratamento sério que envolve estruturas nobres e deve ser feito apenas quando realmente há indicação de correção dentária. Entenda agora quais são as etapas necessárias que se deve passar previamente a colocação do aparelho ortodôntico.

Exame Clínico

O exame clínico nada mais é do que a avaliação do dentista diretamente na boca do paciente. Através deste exame o dentista terá capacidade de determinar se existe ou não a necessidade de se colocar aparelho ortodôntico. Serão avaliadas também a presença de lesões, inflamações e doenças bucais como gengivite, cáries, granulomas e etc. O exame clínico é fundamental para determinar os próximos passos até que possa realizar a colocação do aparelho ortodôntico.

A condição de higiene bucal também será avaliada. Não é indicado iniciar um tratamento ortodôntico em condições de saúde bucal deficiente. Você precisa estar com a gengiva saudável e com os dentes íntegros ou restaurados.

Tratamentos prévios a colocação do aparelho ortodôntico

Se após o exame clínico for constatada a presença de alguma doença ou lesão o próximo passo é realizar o tratamento das mesmas. Se houver algum dente com cárie profunda e necessitar de tratamento de canal é essencial que ele seja feito o quanto antes. Pessoas que apresentam inflamações na gengiva e presença de tártaro devem fazer um tratamento periodontal, melhorar suas condições de saúde bucal para depois que a gengiva não possuir inflamações ter condições adequadas para a colocação do tratamento ortodôntico. Em casos de restauração inadequadas e presença de infiltrações também é importante que se faça o tratamento destes dentes previamente a colocação do aparelho. A limpeza de toda a cavidade bucal também é essencial pois quando se coloca o aparelho dentário a higiene bucal torna-se mais difícil e demanda maior cuidado.

Dica: não comece o seu tratamento ortodôntico antes do tratamento das doenças bucais existentes.

Exame Radiográfico e documentação ortodôntica

A documentação ortodôntica é um conjunto de exames que são feitos em um local específico. Esses exames geralmente compreendem radiografias, fotografias, modelos de estudo e traçados cefalométricos. Através da análise deste conjunto de documentos é possível ser feito um plano de tratamento ortodôntico. É através dele que o dentista saberá quais são as necessidades, possibilidades e limitações que o paciente possui para a realização do tratamento ortodôntico. A documentação é fundamental para que o tratamento possa seguir um rumo correto e conseguir alcançar todos os objetivos de correção dentária. Sem a documentação não tem como saber quais as reais possibilidade, então não tem como tratar o que não se entende.

Ficou alguma dúvida? Se desejar perguntar algo sobre a colocação do aparelho ortodôntico ou a respeito de como funciona o tratamento ortodôntico não deixe de comentar logo abaixo.

Leia mais